as

 

 

Welcome to Present Tense | profile | hi5 profile | msn address | e-mail

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

quarta-feira, novembro 29, 2006

co-incinerem-na!

Eu até aceitava a co-incineração na minha rua, durante uma semana, caso músicas como Sushi Baby, dos Oioai, pudessem ali ser destruídas para todo o sempre.

terça-feira, novembro 28, 2006

novo começo

27 de Novembro. Mais um ano de aulas que começa. Um pouco mais tarde, eu sei. A situação assim o exigiu. Eis-me de novo a sentir o cheiro das salas de aula e a enfrentar o desconhecimento de saber quem é o tal professor por todos falado, mas que nem sei quem é. Será ele assim tão exigente? O que abordará aquela cadeira com este estranho nome?

Entrei no quarto ano de curso. Olho para trás e parece que foi ontem que abraçei o desafio de voltar à escola depois de um longo tempo de ausência. Ainda agora começou o ano e já me sinto nostálgico. Trabalhar e estudar ao mesmo tempo é difícil, mas cada vez mais acho que são estes desafios que nos dão o real gosto das coisas.

quinta-feira, novembro 23, 2006

animais



Porque quem abandona é que é o verdadeiro animal, a Câmara Municipal de Sintra pegou (e muito bem!) nessa ideia e construiu uma das campanhas mais inteligentes do género nos últimos tempos. Em todo o concelho é possível ver-se esta mensagem. Agora, será que os "animais" a conseguem perceber?

quarta-feira, novembro 22, 2006

in my HEADphones

Introduzi uma novidade aqui no blog. Dei-lhe o nome de in my HEADphones. Um pequeno player aí mesmo ao lado, por onde vão passar músicas que andam na minha cabeça e nos meus phones.

A primeira escolha vai para Nothing But Green Lights, de Tom Vek, um dos meus temas preferidos de We Have Sound. Enjoy it!

PS: Em breve haverá outras novidades do género.

terça-feira, novembro 21, 2006

manual de amor



Ir ao cinema aos domingos à noite tornou-se um hábito. Durante cerca de duas horas consigo esquecer-me do facto de estar à beira de mais uma longa semana. A escolha de ontem foi para Manual de Amor (Manuale d’Amore), do realizador italiano Giovanni Veronesi. E que escolha!

Manual de Amor é uma lufada de ar fresco para quem está farto de comédias românticas oriundas do outro lado do atlântico. Na tela contam-se, de forma divertida e por vezes hilariante, quatro histórias que relatam a paixão, a crise, a traição e o abandono. Fases do amor pelas quais, certamente, todos já passamos. E para quem pense que este é um daqueles filmes a evitar quando se está mal de amores, engana-se. Manual de Amor é um filme para todos, esteja-se ou não apaixonado, em crise ou sozinho. Descubram-no!

segunda-feira, novembro 20, 2006

coelhinho


Prick (I Am) - MAU (Man and Unable)

Quem diria que estes senhores são os mesmos intérpretes da música dos últimos anúncios da TMN. "It's a lovely day...".

sábado, novembro 18, 2006

odoriquices

Ontem, por razões que aqui não interessam, lembrei-me de uma série brasileira que passou na RTP há largos anos atrás. Chamava-se O Bem-Amado e relatava a história de um político – Odorico Paraguaçu – cujo objectivo era inaugurar um cemitério na cidade que governava, finalidade alcançável às custas de esquemas traçados para matar um dos habitantes. O importante era abrir aquele equipamento.

As minhas memórias desta série confundem-se com a curta idade que teria na altura. Quando O Bem-Amado passou na TV não compreendi o real significado da história. Hoje, olho para trás e tudo fica mais claro. O que ali era relatado é, tão simplesmente, a política actual. Palavra de ordem: atingir objectivos, sejam eles quais forem, sem olhar a quem é governado e sem respeito pelas vertentes cultural, social e relacional das pessoas, atribuindo sempre a culpa a terceiros. Numa palavra: odoriquices!

quinta-feira, novembro 16, 2006

vídeo

Não gosto da música, mas adoro o vídeo.

terça-feira, novembro 14, 2006

porquês III

Porque é que o slogan do Media Markt - "Eu é que não sou parvo" - me parece uma contradição quando comparado com a pessoa que dá a cara à campanha?

segunda-feira, novembro 13, 2006

via verde

E pronto! A minha Via Verde já funciona na perfeição, pelo menos na Ponte sobre o Tejo (não a Vasco da Gama, mas a outra com nome de uma data qualquer).
Anseio o dia da estreia do aparelho num parque de estacionamento ou numa bomba da Galp.
E volto à pergunta: como, mas COMO, é que consegui viver até hoje sem esta coisa?

sexta-feira, novembro 10, 2006

believe

Porque sempre gostei destes senhores. Porque, de repente, fui invadido por uma imensa vontade de ouvir toda a sua discografia. Aqui fica o vídeo Believe. K's Choice, aqui no blog!

quinta-feira, novembro 09, 2006

este...

... é o post número 271.

quarta-feira, novembro 08, 2006

morangadas

Enquanto aguardava pela minha vez no dentista, fui obrigado a assistir a esse belo programa chamado Clube Morangos. A pergunta impõe-se:

O que é aquilo, hein!?

segunda-feira, novembro 06, 2006

nomes

Não consigo entender esta mania de dar nomes exóticos e supostamente diferentes aos bébes. Será que os pais ainda não entenderam que podem estar a criar uma classe crianças potencialmente alvo de gozo pelos colegas de escola?