as

 

 

Welcome to Present Tense | profile | hi5 profile | msn address | e-mail

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

quarta-feira, janeiro 30, 2008

otite: out!

Acho que a otite deixou de habitar o meu ouvido. Depois de quase 10 dias a antibiótico, a gaja fez as malas e lá se foi embora. Amanhã regresso à natação matinal (weeeeeeeeee!) e no próximo fim-de-semana largo o papel de careta e único ser humano sóbrio da noite que representei nos últimos tempos. Que saudades das caipirinhas do Fiéis... e da poncha... e dos dias (noites!) na Madeira, na melhor companhia...

e puft!

Não se fez chocapic, mas nasceu a abóbora e alguém colocou um ponto final parágrafo.

terça-feira, janeiro 29, 2008

legos

Apesar de já ter passado pelo menos por três blogs que falam do mesmo assunto, não consigo não falar do Lego e da minha relação com aquele que considero o brinquedo/jogo mais genial de todos os tempos. Tantas horas que passei de volta das peças... constrói, destrói, volta a construir, volta a destruir. Casas, carros, aviões... Lembro-me especialmente da coisa mais ESTÚPIDA que construí: uma lareira que fiz questão de experimentar com pedacinhos de madeira a arder. Alguém imagina o resultado? :p

domingo, janeiro 27, 2008

música para viciar #12


Midnight Juggernauts - Into the Galaxy

São australianos e chamam-se Midnight Juggernauts. Apresentaram-me estes senhores ontem num jantar de anos de uma amiga. Já tinha ouvido na Radar e fiquei viciado à primeira audição. Ontem confirmou-se o vício.

sábado, janeiro 26, 2008

palma

Ninguém nos ensinou a usar
Nada do que recolhemos pelo caminho
Perto das ilusões
Entre o amor e as razões
Perversas

Jorge Palma - O Centro Comercial Fechou

Um dos muitos ditos que retive esta noite no concerto do Jorge Palma. By the way, um espectáculo surpreendente. E esta música, fantástica.

quarta-feira, janeiro 23, 2008

liberdades

Irrita-me a desculpa que os fumadores repetem vezes sem conta a propósito da Lei do Tabaco. Falam do facto das suas liberdades estarem a ser postas em causa e que não estão a ser tratados de igual forma aos outros cidadãos (não fumadores). A minha questão para quem insiste nesta perspectiva é: então e onde estão os meus direitos e liberdades que, ao longo de toda a minha vida (à excepção dos últimos 23 dias), foram atentados por ter de levar com o vosso fumo sem sequer poder ter uma opção de escolha?

terça-feira, janeiro 22, 2008

expiação



Uma das cenas (ou talvez "a" cena) que me deixou imóvel e arrepiado. Pertence a Expiação (Atonement, em Inglês), o meu filme deste domingo à noite. Bom argumento, boas interpretações, uma excelente banda sonora e, acima de tudo, planos inesquecíveis e bons momentos de "tela". Recomendo.

segunda-feira, janeiro 21, 2008

a propósito de pipocas

Posso estar enganado, mas quer-me parecer que, se os responsáveis pelos efeitos sonoros dos filmes quisessem o som do acto de comer e vasculhar pipocas nos baldes incluído na sua obra, o colocariam directamente na película, em vez de esperarem que o público completasse o seu trabalho ao vivo e em directo nas salas de cinema.

A pergunta é: para quando uma lei do tabaco aplicada às pipocas?

sexta-feira, janeiro 18, 2008

keep it simple

Adoro saber que a minha existência e importância irrita um bom lote de pessoas e fico feliz por falarem mal de mim nas minhas costas. É que tal facto serve para seleccionar com quem me relaciono; quem acreditar, empranhar pelos ouvidos e não se mostrar disponível para me conhecer realmente, não serve para meu amigo. Assim, poupo tempo, trabalho e disponibilidade para conhecer essa mesma pessoa. Um sincero obrigado a quem, desta forma, contribui para simplificar a minha existência. :)

terça-feira, janeiro 15, 2008

estranho é...

... chegar a casa a um domingo, por volta das 7 da manhã, encontrar o vizinho do prédio ao lado, passar por ele, dar-lhe as boas noites e receber um simpático e bem dormido "bom dia!".

domingo, janeiro 13, 2008

work in progress



Já fiz quase de tudo no meu trabalho, mas uma sessão fotográfica a um ovo vestido foi a primeira vez... Depois mostro o resultado final.

quarta-feira, janeiro 09, 2008

sing along

fui triplicar o saldo da minha tia a Marrocos
fui triplicar o saldo da minha tia a Marrocos
fui triplicar o saldo da minha tia, fui triplicar o saldo da minha tia
fui triplicar o saldo da minha tia a Marrocos
sirigai ai upi upi ai

terça-feira, janeiro 08, 2008

pacotes



Arrepiantes, estes pacotes de açúcar... mas adorei a metáfora. ;)

segunda-feira, janeiro 07, 2008

clumsy


Fergie - Clumsy

Não sei se é pelo facto de, desde míudo, ser fascinado por aqueles livros que se transformam num mundo a três dimensões ao virar de cada página, quase por magia, mas a verdade é que gosto mesmo deste vídeo. Quanto à música... eh pa... vejam o vídeo!

sábado, janeiro 05, 2008

orgulho



Sim, não tenho problema algum em falar no enorme orgulho que sinto por estes dois partos: a Memória Final e o Projecto Socioprofissional, hoje entregues, e que representam o final do meu curso. Independentemente da nota que vou ter (sim, tenho um valor mínimo que me propus alcançar para manter a média), sinto-me feliz por folhear estes dois trabalhos e sentir a segurança de quem deu o seu melhor. A partir de hoje sou, efectivamente, um Animador Sociocultural. Venham os projectos!

quinta-feira, janeiro 03, 2008

...

não quero mentir mais. estou cansado de mentir.
vejo o teu rosto parado numa fotografia e a memória
que guardo de ti é tão diferente da realidade assustadora das fotografias.

mas não vou mentir. estou cansado de mentir.
a minha vida também és tu, o teu rosto parado na minha memória.
a minha vida és tu e todas as mãos que me seguraram e me quiseram,
todos os lábios que me beijaram, todas as línguas que me desenharam figuras na pele, todos os dentes que me morderam, todas as vozes que me disseram amo-te e me fizeram acreditar nisso.

não quero mentir mais. estou cansado de mentir.
não és quase nada, mas não quero e não vou fingir que nunca exististe.

José Luís Peixoto in "A Criança em Ruínas"

quarta-feira, janeiro 02, 2008

mmviii

Este é o primeiro post do ano, no segundo dia do mesmo.
O post número 455.
O primeiro de muitos outros, sobre tudo e sobre nada, que mostrarei com o orgulho de quem não é orgulhoso, mas que o tem naquilo que faz. Independentemente das interpretações.